Make your own free website on Tripod.com

Carta aos Amigos

Olá amigos(as)

CDI

Inicialmente gostaríamos de agradecer o interesse pela Escola de Informática e Cidadania Dr. José Pagani. Também gostaríamos de aproveitar a oportunidade para apresentarmos, e também a instituição.

A Escola de Informática e Cidadania Dr. José Pagani é uma organização privada sem fins lucrativos fundada em 1999, pelos senhores Pedro – comerciante, Dr. José Pagani – advogado Falecido, Valdemar – ex-presidente da Associação de moradores do bairro Tiradentes, que com suas famílias decidiram engajar no projeto para a promoção de crianças, adolescentes e adultos em situação de risco, exclusão digital e social.

Bem, tendo em vista o objetivo de propiciar às pessoas mais carentes o ensino de Informática e Cidadania, fundamos aqui em Campo Grande - MS, no bairro Tiradentes - um local muito pobre, uma escola de Informática e Cidadania.

No Brasil, mais da metade das crianças de 4 a 6 anos estão fora da escola, assim como 1,3 milhões de crianças de 7 a 14 anos. Existem 15 milhões de jovens e adultos analfabetos e 33 milhões de jovens e adultos com menos de 4 anos de estudo sendo, portanto, analfabetos funcionais.

A todas estas pessoas é negado o direito humano fundamental da educação.

Fazemos parte do CDI- Comitê para Democratização da Informática, uma ONG fundada em 1995, por Rodrigo Baggio (que você certamente conhece), e que tem prestado notáveis serviços (reconhecidos pela UNESCO) nos morros do Rio de Janeiro – RJ, e em bairros pobres de várias cidades brasileiras.

Bem, o CDI comanda as EIC’s ( Escola de Informática e Cidadania) e as mesmas são auto- sustentáveis e sobrevivem com doações das comunidades onde atuam. Aqui em Campo Grande - MS, temos a 108º EIC, chamada de Dr. José Pagani, em homenagem a um dos fundadores desta, que iniciou seu serviço social em Novembro de 1999. Mas existem outras 06 EIC’s, em Campo Grande MS, totalizando aproximadamente 6.080 alunos/ano sendo profissionalizados.

Como dizia, as EIC’s funcionam com o trabalho de voluntários, os quais são os instrutores que recebem uma ínfima ajuda de custo. Os alunos ao se matricularem pagam uma pequena quantia de R$10,00( Dez reais), para a manutenção da Escola, para ajuda de custo dos voluntários e para valorização do aprendizado. Em troca tem cursos de informática e aprendem noções de cidadania. Aqueles alunos que não podem pagar os R$10,00 mensais a escola propicia aula gratuitamente ou com tutela de pessoas e/ou empresas preocupadas em crescer.

Como dito anteriormente, as EIC’s funcionam com trabalho voluntário (Lei n.º9.608/98) e ajuda da comunidade. Mas aqui no Mato Grosso do Sul, as pessoas não têm muito o hábito de participar de atividades sociais. Há uma resistência muito grande. Mesmo assim, não medimos esforços e vamos à luta.

Enviamos e-mail’s a várias empresas requisitando ajuda. E , ás vezes, vamos pessoalmente às empresas, mas quase sempre não somos atendidos. Dão muitas desculpas e não atendem às nossas solicitações, que não são muitas.

Nossos alunos que estudam informática e cidadania, aprendem em computadores 486, com 8 MB de memória. Alguns são emprestados de amigos voluntários. Mas são velhos e não temos manutenção regularmente por falta de recursos. Então as aulas são prejudicadas.

Assim, vimos através do presente solicitar que você nos apresente a alguma personalidade ou algum empresário que possa nos doar algum equipamento de informática mesmo que sejam usados e obsoletos. Serão muito úteis para que possamos continuar no nosso projeto e progredir mais, abrangendo mais pessoas a cada dia.

Sabemos que você tem muitos amigos os quais poderiam se inteirar de nosso projeto e nos ajudar. Por mais ínfima que seja a ajuda ela será bem vinda, pois para nós será grande.

 

 Atenciosamente,

 

Pedro Pereira da Silva

Pedro Pereira da Silva

 

VOLTAR  OU  PROSSEGUIR

Você é o visitanteHit Counter Obrigado!

Volte sempre

Informações sobre o autor.
Copyright © 1999 [Velho Pedro]. Todos os direitos reservados.
Revisado em: 24 August, 2003